Dias felizes

|

Após um ano e cinco meses, vivi dias maravilhosos ao lado do meu amor. Sim, meu amor!
Hoje, mais que nunca, como tenho a certeza da força desse sentimento, capaz de superar as barreiras, resistir ao tempo...
O saldo desse encontro é bastante positivo e como desejou meu amigo Paulo, reconquistamos nosso elo, nossos sonhos - não aqueles sonhos impossíveis e imaturos.
Apesar dos sofrimentos causados por ambos durante aquele tempo, percebemos que tudo aquilo que sentíamos um pelo outro ainda permanecia ali, adormecido...e hoje está acordado. Agora é nos prepararmos e criarmos as condições para uma vida juntos.
Apesar de estar triste - pela partida - estou feliz pela certeza do reencontro.
Obrigado, amor, pelos dias juntos que foram um verdadeiro presente pra mim, pra nós.


Amo você...

1 Comentário:

Paulo R. F. Braccini disse...

pois então . somos como eternas crianças e a vida de quando em vez tem que nos colocar de castigo para que assim aprendamos a simplificar as coisas . que bom que vcs aprenderam a lição . e daqui para frente juízo e moderação . amor é uma coisa linda e que só leva à felicidade . mas este processo tem um custo . moderação...juízo...razão...bom senso...estas coisinhas bestas . parabéns e felicidades para os dois e que Deus abençoe este reencontro e fortaleça os laços de vcs...

Postar um comentário

Obrigado por deixar seu comentário!
Ele será lido e publicado posteriormente.

 

©2009 Que não seja imortal, posto que é chama... | Template Blue by TNB